Um dos animais marinhos mais curiosos que podemos ver de muito perto em Manaus é o boto-cor-de-rosa, assim chamado por causa da coloração rosa nos adultos, que é muito acentuada, em especial nos machos. A reputação deste animal atravessa todo o Brasil e faz com que ele seja uma das personagens mais interessantes do Amazonas. Segundo uma lenda, o boto vira as canoas que atravessem o rio à noite para capturar as mulheres jovens que nelas estiverem. E nas noites de lua cheia, por magia, saem do rio e transformam-se em belos jovens, capazes de seduzir as moças da região, que levam para o fundo do rio e aí as engravidam. Não é então de estranhar que na região amazônica se fale das mulheres que engravidaram do boto.

Folclore à parte, a verdade é que esta é a maior das espécies de golfinhos fluviais, podendo os machos atingir 2,55 metros de comprimento e 185 Kg. Há vários passeios para os encontrarmos, sendo que podemos até nadar ao seu lado e alimentá-los – tudo depende da coragem do turista. É uma atividade fantástica para fazer com crianças.

Para saber mais sobre Manaus, leia aqui a história completa.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here